Brasil

MTST faz três ocupações simultâneas no Estado de São Paulo

MV / MTST - Domingo, 30 Março, 2008

ocupacaomaua.jpgNa noite de 28 de Março, famílias do Movimento dos Trabalhadores Sem Tecto ocuparam simultaneamente três áreas no Estado de São Paulo, localizadas nos municípios de Mauá, Embu das Artes e Campinas. Os terrenos são grandes propriedades urbanas que estavam sem uso, sem cumprir qualquer função social, enquanto milhares de famílias sem tecto não têm assegurado o direito a morada digna.

As ocupações fizeram parte da jornada de luta urbana levada a cabo por movimentos populares de nove estados brasileiros durante todo o dia 28 de Março, com o objectivo de chamar a atenção do governo e da sociedade para as condições miseráveis em que vivem milhões de famílias brasileiras e reivindicar direitos fundamentais que não saem do papel para o povo pobre, como morada digna, emprego, transporte público, educação pública de qualidade, creche e tarifa social de energia eléctrica.

As ocupações conseguiram estabelecer-se, mas encontram muitas dificuldades e há riscos de confronto policial. Em média, 500 famílias estão acampadas em cada um dos três locais.

Em Campinas, o clima é de tensão com a Polícia Militar, que não mostra disposição para negociar. O risco de despejo é iminente, pois o proprietário do terreno tenta obter uma decisão judicial liminar que lhe permita retomar a posse da propriedade.

A prefeitura de Embu das Artes ordenou que a Guarda Municipal bloqueasse as ruas de acesso à ocupação, impedindo a livre circulação das famílias e apoiantes. A possibilidade de confronto é igualmente grande.

Em Mauá a situação está um pouco mais tranquila depois de tensões durante a madrugada, mas os organizadores da acção pedem para que toda a gente permaneça alerta.

Diversos intelectuais, parlamentares, entidades e dirigentes populares declararam apoio à jornada nacional de luta urbana. Durante as acções, os movimentos lançaram o Manifesto Popular de 28 de Março. Clique aqui http://www.mtst.info/manifesto_28_de_marco para ver o texto do manifesto, os movimentos que o assinam e a lista de apoiantes da
jornada de luta.






Um Comentário a “MTST faz três ocupações simultâneas no Estado de São Paulo”

  1. rute disse:

    A situação no terreno do Embu está tranquila, as pessoas se ajudam muito, a população apoia pois a área era usada para crimes e bagunça.

Deixe o seu Comentário