Auto-definição

Sexta-feira, 4 Fevereiro, 2011

Um voto de apoio ao povo egípcio, proposto pelo Bloco de Esquerda, foi chumbado hoje no parlamento com votos contra do PS e PSD e abstenção do CDS. Não admira, mas vale a pena ouvir as justificações. PS: “o voto do BE é oportunista” – mas o que fica à vista é o oportunismo do PS ao não tomar posição contra uma ditadura por ser aliada da UE e dos EUA. PSD: “ainda não se sabe o desenlace” – ou seja, é preciso ver se Mubarak cai mesmo, e não seremos nós a descalçá-lo. CDS: “há perigo de infiltrações islamistas” (antes diriam “comunistas”) – portanto, na incerteza, Mubarak dá mais garantias. Berlusconi foi mais claro: disse que Mubarak é homem avisado e merece continuar. Há momentos reveladores.






Deixe o seu Comentário