Sahara Ocidental: uma enorme prisão

Segunda-feira, 6 Setembro, 2010

Os 14 activistas do colectivo pró-saharaui das Canárias, que recentemente procuraram inteirar-se das condições em que vive o povo do Sahara Ocidental, e que foram presos e espancados pela polícia marroquina, prestaram declarações ao chegar ao porto de Las Palmas, tendo um deles, Sara Mesa, afirmado que “O Sahara Ocidental é como uma enorme prisão, onde a gente vive sob um clima de continua repressão”. No porto esperavam-nos um grupo de simpatizantes da causa, empunhando cartazes onde se apelava à realização de um referendo livre e democrático naquela que foi a última colónia de Espanha em África e que é ocupada há mais de 35 anos por Marrocos.






Deixe o seu Comentário