Os fãs do fascista Bolsonaro

Terça-feira, 23 Outubro, 2018

Também estão entre nós e assumem-se. E não são apenas alguns seguidores da IURD. Estão no Sindicato Vertical de Carreiras da Polícia, que não gostou que o ministro da Administração Interna tivesse ordenado um inquérito às circunstâncias da fuga de três arguidos do Tribunal de Instrução Criminal do Porto (suspeitos de roubos a idosos) e à divulgação das fotografias dos mesmos após as detenções em Gondomar. Em resposta, o Sindicato fez uma montagem vergonhosa e mentirosa no Facebook, associando Eduardo Cabrita à não preocupação com o espancamento de idosos, dando como exemplo as fotografias de dois idosos espancados em Londres e no Brasil. Também se encontram na Associação Sócio-Profissional Independente da Guarda que se diz solidária com quem divulgou as fotografias, porque os criminosos “não são merecedores do mesmo respeito e consideração” que o cidadão comum. Seria bom que os trabalhadores e povo de esquerda pensassem bem antes de bater palmas a gente desta.






Deixe o seu Comentário