Um nojo

Domingo, 1 Maio, 2016

No âmbito da iniciativa “Prémios EDP solidária 2016”, que ocorreu no Museu da Electricidade, António Costa foi abordado por Eduardo Catroga, chairman da EDP e ex-ministro das Finanças do PSD, que atacou: “Os acionistas da EDP precisam de conversar consigo”. Costa, incomodado, respondeu apenas: “Muito bem, muito bem”. Por momentos, o primeiro-ministro conseguiu “iludir” Catroga, mas este voltou à carga mais à frente, agarrando Costa pelo braço. “Se você precisar de mim para dar aí alguns entendimentos eu disponho-me a isso”, garantiu Catroga. E insistiu:”Porque eu tenho essa visão da política, que não é partidária”. A imagem que ficou deste chairman na televisão foi a de um Catroga (já bem conhecido) sabujo e mercenário – um nojo.






Um Comentário a “Um nojo”

  1. Joaquim Cunha disse:

    Sempre houve bajuladores procurando tacho mas ao menos podia ser um bajulador competente, que pelas provas dadas só tem feito merda.

Deixe o seu Comentário