Punição colectiva

Quinta-feira, 25 Outubro, 2007

O ministro israelita da Defesa prepara-se para aprovar cortes no fornecimento de energia eléctrica e de combustíveis à Faixa de Gaza “para tentar parar os ataques de rockets”. Israel fornece 60% da energia eléctrica ao milhão e meio de habitantes de Gaza. Os líderes palestinianos responderam à ameaça acusando Israel de infligir punições colectivas aos palestinianos (proibidas pelas Convenções internacionais). O porta-voz do Hamas, Sami Abu Zuhri, comentou: “Servirem-se das necessidades humanas básicas para chantagear o nosso povo é algo que nunca nos enfraquecerá”.






Deixe o seu Comentário