A polémica da eutanásia

Domingo, 16 Novembro, 2008

Em 1992, após um acidente de automóvel, a jovem italiana Eluana Englaro ficou em estado vegetativo. Antes, ao assistir a um caso idêntico passado com um amigo, afirmara que se tal lhe acontecesse queria morrer. O pai, que há mais de 10 anos lutava nos tribunais para pôr termo a esta dolorosa situação, viu agora o Supremo Tribunal de Justiça italiano autorizar a retirada do tubo de alimentação que mantinha a filha viva há 16 anos. Vários membros da Igreja Católica vieram protestar contra este “assassinato”. Claro, tanto aqui como na questão do aborto, para eles, o sofrimento e a submissão às rígidas leis da Igreja são coisas sagradas!






Deixe o seu Comentário